sexta-feira, 22 de janeiro de 2010

Alt + 3

Eu poderia, eu deveria. Dar-lhe o mundo com um beijo. Mas, pensando melhor, todos os beijos do mundo você já tem. Quebrar promessas é sempre um vício para quem está apaixonado. E eu viciei em cada promessa que eu desfiz. Eu deveria, eu poderia, dizer o quanto eu te amo todos os dias. Mas se cada vez que eu dissesse fosse transmitido um pouco desse amor, então as tardes não bastariam. Então eu não teria tempo o suficiente para dizer tudo o que eu sinto.
E essas palavras se desgatariam. Então, pra que usá-las? Elas são desnecessárias diante da intensidade de um momento, de um amor.
Sem mais.

(Agora só em fevereiro!)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por visitar O Laço Cor de Rosa. O seu comentário é muito importante para mim!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...