domingo, 29 de agosto de 2010

Viagem

Gostaria de dizer algumas palavras. Gostaria de fazer com que você se sentisse bem. Eu tenho duas passagens aqui, no meu bolso. São para o desconhecido, eu nunca fui. Você quer ir comigo? Eu não prometo que será a melhor viagem do mundo.
Mas talvez, quem sabe, possamos aproveitar o ócio e criar um espaço só nosso - de uso (im) pessoal.
Eu ouvi dizer que o tempo é frio do jeito que você gosta. Tem também aqueles bares compostos de neon e música antiga, daquele tempo em que viver não tinha pressa. Podemos ao som de Here Comes The Sun compor uma canção para nós. E quem sabe, dançar ao som de Jailhouse Rock.
Vamos, eu tenho duas passagens aqui, no meu bolso. Tenho também uma vontade imensurável de ficar com você e uma mala cheia de sonhos, todos guardados em potes de geléia. Seria bom respirar novos ares.
Ouvi dizer que o Sol se põe a meia noite e que a Lua nasce assim que o galo canta. Ouvi dizer que sorrisos são oferecidos em troca de frases gentis. Nós podemos tentar. Nós podemos tentar outro tipo de felicidade - imperceptível aos olhos.
E se você for comigo eu prometo, a nossa viagem não terá fim... Será como viver uma realidade inventada, daquelas que só fazem bem para os sonhos - e para nós.

Um comentário:

  1. Gostaria de fazer com que você se sentisse bem. Eu tenho duas passagens aqui, no meu bolso. São para o desconhecido, eu nunca fui. Você quer ir comigo? amei :/ seus textos SEMPRE lindos e bem colocados! parabés ana, beijos

    ResponderExcluir

Obrigada por visitar O Laço Cor de Rosa. O seu comentário é muito importante para mim!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...