sábado, 21 de abril de 2012

Aniversário de 18 anos, Primeira aula no novo emprego

Este Sábado acordou tão preguiçoso que eu decidi acompanhá-lo com um pouco de café e um roupão bem quentinho pra me esconder do frio. Quem diria que já estamos no fim de semana? Passou tão rápido que eu sequer notei a mudança no clima... Bom, mas isso não importa, já que eu não quero falar sobre o tempo, mas sim, sobre essa semana. Nesta terça eu comecei no meu novo emprego. Criei tantas expectativas pra chegar na hora e nenhum traço de ansiedade me acompanhar, o que foi até bom. Como eu disse na última postagem, deixei o meu emprego de redatora numa gráfica para ser professora numa escola que oferece cursos profissionalizantes para pessoas de todas as idades. Nos primeiros dias, eu apenas acompanhei as aulas do coordenador da escola e só ontem que eu segurei a caneta azul e encarei aqueles olhinhos todos voltados para mim. Sabe aquela velha e conhecida expressão "borboletas no estômago"? Pois é, foi exatamente isso que eu senti! 
Foi bem gostoso, as alunas fizeram perguntas, prestaram atenção na aula, deram boas risadas... Vou guardar esse momento comigo por muito tempo, aliás, vai ser difícil substituir essa cena tão cedo da minha mente. É curioso pensar no quanto eu cresci desde quando eu saí da escola, no ano passado. Eu era tão criança, tão cheia de expectativas, de sonhos bobos, eu acreditava que só existiam um ou dos meios de ser feliz. Como eu estava errada! 

Outra novidade: no dia 19 de abril eu completei 18 outonos... Foi um dia para ficar guardado na memória. As alunas e os professores cantaram parabéns para mim, imaginem só o quanto eu corei! A noite foi maravilhosa também! Meu amor me trouxe flores, meus pais me desejaram boa sorte acompanhado pelo aroma delicioso de um perfume novo, meu irmão e a namorada dele me inspiraram com um sonho que eu tenho guardado em mim com uma jaqueta de couro, minha sogra e a minha cunhada vieram me desejar os parabéns... Todos os encantos bons em apenas uma noite. As 21 horas eu nasci. Sonhos, sorrisos, desejos, histórias também nasceram comigo. Mas nada disso seria real se não fosse por tantos outros aniversários que me acompanharam ao longo do meu crescimento. E eu só citei alguns desses aniversariantes. Pois é... 18 anos! 

Algumas fotos do dia do índio:
Foto que o meu namorado fez, índiozinhos!


Presente de mim, para mim mesma! 


A flor mais linda do mundo... Obrigada, amor!


Bolo de aniversário feito pelas minhas tias... Amei!

Pessoal, por enquanto é isso! Um ótimo fim de semana à todos!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por visitar O Laço Cor de Rosa. O seu comentário é muito importante para mim!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...