sábado, 16 de novembro de 2013

A realização de um sonho + um singelo pedido de desculpas


Faz duas semanas que estou me organizando para publicar esse texto. Eu, que sempre fui intuitiva com as minhas palavras, sem pensar uma ou duas vezes em colocá-las no papel ou transportá-las ao teclado, me deparei com uma Ana insegura, receosa de seus sentimentos e do que as pessoas vão pensar sobre o que agora se tornará um texto.

Quem me segue nas redes sociais (especialmente no instagram), sabe que no mês de Outubro eu tive a maravilhosa experiência de trabalhar numa livraria. Realizei um sonho de criança quando entrei pela primeira vez no estoque e me deparei com centenas de livros empilhados e enfileirados nas prateleiras, quando indiquei livros para os clientes e quando estes me procuravam para indicar algum livro. Fui reconhecida por uma garota muito gentil, que me abraçou e agradeceu pelas minhas palavras no blog - não podia chorar, estava em meu horário de expediente.

Falando de momentos bons, também fiz muitos amigos por lá. Todos foram tão atenciosos e pacientes que não teve jeito, eles me cativaram e acredito que eu os cativei também. É difícil citar nomes, pois posso cometer a indelicadeza de não mencionar alguém, então prefiro apenas agradecer de um modo geral. Obrigada, pessoal. Vocês são incríveis.

Os dias foram cansativos. Jamais mentiria para os meus leitores. A mudança de rotina foi intensa - eu não tinha mais tempo para estudar e se quer via os meus pais. Chegava em casa, dormia. Acordava, ia para a faculdade e depois, direto para o trabalho. Foi assim por duas semanas. 

Apesar de trabalhar num lugar encantador, eu não consegui equilibrar os estudos com o trabalho puxado. Oito horas por dia mais a faculdade de manhã me deixaram exausta. Estava começando a deixar os estudos de lado, perdendo os trabalhos e atividades de Letras, quando tomei a decisão de sair da livraria.

Chorei muito. Não queria sair, não queria desfazer este laço que mal havia criado, mas não havia outro modo. Conversei com todos os envolvidos, a fim de buscar uma alternativa, mas nada poderia ser feito. 

Depois de alguns dias, voltei a dar aula. Esta história fica para um próximo post, mas posso assegurá-los que estou feliz em meu (não tão novo) trabalho.

É claro que uma parte de mim ficou na livraria. 

Mas não posso ir contra os meus sonhos. Meu objetivo é me tornar uma profissional de Letras, publicar livros na área e também para os jovens que assim como eu, são apaixonados por palavras. Não posso deixar de lado a melhor e mais bonita parte de mim. Vocês entendem? 

Desculpem-me se de algum modo, eu os decepcionei. 

10 comentários:

  1. Ana, confesso pra ti que eu sempre tive vontade de trabalhar em uma livraria/ter minha própria. Quando li aqui no blog que tu estava trabalhando em uma, nem sabes, fiquei muito feliz por ti! Como se o que eu queria pra mim estivesse sendo "realizado" por outra pessoa que ama livros tanto quanto eu... alguém que eu admiro muito... e nossa, fiquei muito feliz. Aí hoje eu li esse post e tal... e me coloquei no teu lugar. Nossa, eu ficaria muito indecisa, mas também priorizaria os estudos... acho que tu fez o melhor, pensou no futuro e tal... parabéns pela coragem! adoro o blog <3

    Eu mudei o nome do blog de novo, haha, mas espero que dessa vez seja definitivo!

    anteenada.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Brendha!

      No começo foi muito difícil, mas eu precisava escolher, e acredito que escolhi o melhor pra mim. Trabalhar numa livraria é incrível, espero que um dia você possa realizar essa sonho também! (e depois me conte como foi a experiência, hehe).

      Muito obrigada pelo carinho!

      Excluir
  2. Ana, sei bem como essa decisão é dificil pois já passei por algo parecido, você tomou a melhor decisão e pense no lado bom, mesmo sendo por pouco tempo, você realizou um sonho.
    Beijos
    vestido-de-papel.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, Sara, esse é o lado bom das coisas ruins, hehe.

      Muito obrigada!

      Excluir
  3. Ah Aninha, nunca trabalhei e nem tive que tomar decisões tão difíceis, mas eu acho, que se estava atrapalhando a faculdade e a convivência com a sua família, era porque não te fazia muito bem. Eu vi o quanto vc estava feliz por trabalhar na livraria, mas, as vezes a gente tem que abrir a mão de um sonho por outro, né? Se o seu coração pediu pra você sair da livraria, pra se dedicar aos estudar, e à faculdade de letras, é porque talvez seja essa a sua maior prioridade. Enfim, não sou muito boa com conselhos, mas eu espero ter ajudado. Fica bem, menina. E olha: ninguém decepciona ninguém por tomar decisões, principalmente, se elas nos fazem bem ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como assim, não é boa em dar conselhos? Hehe, claro que você! Muito obrigada pelas suas palavras, elas me reconfortaram, me ajudaram muito.

      Excluir
  4. Lindo blog ♥ Estou seguindo ;)
    vem seguir o meu de volta?http://espacoteencomanaliasantos.blogspot.com.br/
    Beijos ;) Sucesso!

    ResponderExcluir
  5. Carol, você realizou um sonho e está priorizando outro: isso é perfeito! Realmente, você estava gostando muito de trabalhar na livraria - acompanhei isso - e eu não tinha entendido o motivo de sua saída... Agora está tudo muito claro.
    No meu terceiro ano do ensino médio, também comecei a trabalhar e eram 8 hrs por dia. Isso me prejudicou muito nos estudos, e olha que nem faculdade era! Então, compreendo um pouco o quão difícil é conciliar as duas coisas e creio que você fez a melhor escolha! Afinal, é o seu OBJETIVO e pra ser concretizado é necessário se dedicar. Parabéns pela decisão pois era uma difícil escolha! Torço muito por você e continuo acompanhando seu caminho rumo ao sucesso hehe
    Beijinhos com carinho,

    Blogueira por teimosia .blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Aline! Você tem toda razão, é necessário se dedicar para que assim possamos realizar os nossos sonhos. Fico muito feliz por poder contar com leitoras como você! Um grande beijo!

      Excluir

Obrigada por visitar O Laço Cor de Rosa. O seu comentário é muito importante para mim!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...