domingo, 4 de maio de 2014

A perda e suas companhias

De todas as formas que eu poderia imaginar como o dia terminaria, olhos enchados e frustração definitivamente não faziam parte da lista. Tenho amigos que acreditam em destino, sorte e azar e outros acasos. Eu já não posso mais afirmar no que é que acredito, se fico com a frieza da razão ou se procuro uma lição diante da perda. Não sei, mas tenho a leve impressão de que nenhuma delas tornaria o peso da culpa ligeiramente menor. 

O que fazer quando se perde documentos e objetos por distração? Qual seria a reação mais aceitável? Culpar o sujeito que os encontrou e não teve a dignidade de entregá-los no ponto de "achados e perdidos" ou culpar a si mesmo, por ser tão desatento? Eu não sei, mas por hora, não quero fazer essa escolha.

É curioso como eu parei pra pensar no que tinha dentro da mochila logo depois que a perdi. Me lembrei de todas as compras: das vezes que fazia contas num bloquinho de notas para calcular o quanto faltaria para finalmente conseguir aquela mochila tão cara, mas tão bonita e resistente; da adrenalina que senti e que transbordou num sorriso quando comprei o celular com o dinheiro ganho com as aulas que dei; dos intermináveis dias que fiquei a espera do meu cartão do banco. Tudo isso passou na minha cabeça e acertou em cheio os sentimentos ruins - que não merecem ser citados. 

E agora, o que fazer? Seguir em frente é a única opção que enxergo - e juro, estou tentando olhar para todos os lados. O que fazer, se não ir atrás de cancelamentos e novas vias? É como dizem por aí... o dinheiro você recupera com o trabalho, o cartão você bloqueia e pede um novo, o celular você junta uma grana e compra outro... quando essas palavras são vindas de outras pessoas, parece tão fácil! E sim, a parte burocrática até que é fácil de se resolver. Mas e essa sensação que ficou e que não quer sair de mim? O que faço com a culpa? Será que se juntar uma grana e comprar tudo de novo eu me livro dela? 

- Sim, isso mesmo. Bloqueia, ok? Obrigada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por visitar O Laço Cor de Rosa. O seu comentário é muito importante para mim!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...